Neste artigo vou falar sobre como você pode melhorar o controle do aerógrafo com duas técnicas simples.

Mas antes umas das primeiras coisas que os iniciantes dizem quando entram na aerografia é algo assim : Orra, quero fazer uns traços finos iguais fios de cabelo.

Ou então ele pergunta para alguém mais experiente que ele ,algo como: Opa, qual o aerógrafo que você recomenda para eu fazer uns traços finos, tão finos como fios de cabelo?

E por fim ele pergunta ao vendedor do aerógrafo (ou loja) : Eu queria um aerógrafo que faz traços finos iguais fios de cabelo, qual você me recomenda?

Essa é uma realidade, eu já vi muitos perguntarem isso, mas nunca vi alguém querendo aprender um exercício para treinar e aprender fazer traços tão finos como fios de cabelo. Pois aqui trataremos disso.

Normalmente é fácil olhar o trabalho de algum bom artista, um gringo muito bom e achar que o aerógrafo deles são de outro mundo, ou achar que o ar do compressor que sai e a tinta é o diferencial.

Você pode estar enganado, o treino e estudo dos traços devem vir primeiro que tudo, pois quando desenvolve isso, você vai utilizar qualquer outro modelo de aerógrafo e vai conseguir o resultado em seus traços.

Aqui estou postando exercícios iniciais para se começar a aventura de traços finos como os famosos fios de cabelo ( ou quase perto disso).

A meta não é ficar querendo fazer traços fininhos, mas o entendimento do funcionamento de seu aerógrafo e sua habilidade a cada dia.

Nessa primeira parte vou lhe passar sobre a distancia do aerógrafo para você poder entender como podemos atingir um degradê muito mais eficiente e poder chegar a detalhes mínimos.

COMO CONTROLAR O AEROGRAFO COM DUAS ETAPAS SIMPLES 01

 

Como você pode observar a imagem acima tem duas coisas que temos que observar a primeira delas, se o preenchimento central ficou uniforme e o segundo é a quantidade de overspray que gerou por causa da distância do aerógrafo.

COMO CONTROLAR O AEROGRAFO COM DUAS ETAPAS SIMPLES 02

 

Geralmente quando a tinta esta com a diluição desproporcional como na imagem acima, você vai reparar que a tinta vai escorrer no ponto central, ficando transparente não dando o acabamento correto ou pode não fluir muito bem do aerógrafo se estiver muito densa.

Após termos entendido como observar se a consistência da tinta está correta e saber a distancia do aerógrafo para não termos muito overspray, vamos a alguns exercícios onde podemos melhorar nossa coordenação motora com um método simples porem muito eficiente para quem está começando na arte permitindo desenvolver suas primeiras habilidades.

Método  1

Nesse método você irá fazer linhas continuas, para fazer com que seu cérebro posso torna esses movimentos como algo comum, para quando estiver realizando trabalhos que exijam uma precisão você não tenha dificuldades em realiza-los.

Essa é a principal forma de manter um bom traçado sem a nescidades de ter que procurar aerógrafos milagrosos, você poderá fazer traços perfeitos mantendo um treinamento diário.

Como você pode observar na imagem abaixo a linha começa da esquerda para a direita mantendo um inicio suave e finalizando com suavidade.

coordenação motora 02- tudo na pratica

 

 

é muito comum quando vamos realizar os primeiros traços ficarem tortos com uma concentração a mais de tinta em uma das pontas que não fique do mesmo jeito que foi apresentado, mas não se preocupe, após alguns dias ou até mesmo horas você irar pegar o jeito.

A forma incorreta de se fazer os traços porem no começo você pode deixar acontecer, e ao praticar você irá notar que os pontos concentrados diminuirão conforme seu treino.

COMO CONTROLAR O AEROGRAFO COM DUAS ETAPAS SIMPLES 04

 

é importante fazer esse exercício da esquerda pra direita e voltar da direita pra esquerda assim você ao longo dos anos terá um traço excelente e não terá dificuldades em fazer trabalhos que exijam definição.

Método  2

Nesse método aprenderemos a regra dos pontos, essa regra é muito útil para controlar nosso foco ao utilizar o aerógrafo, como os aerógrafos de hoje são de dupla ação nós sempre ativamos o ar e depois vamos liberando a tinta calmamente, assim acertando nosso ponto desejado.

Mas acertar um ponto nem sempre foi tão fácil, para contorna essa situação vamos aprender de uma forma simples como fazer detalhes e outros acabamentos utilizando a regra dos pontos que é nada mais que um exercício super interativo e desafiador.

COMO CONTROLAR O AEROGRAFO COM DUAS ETAPAS SIMPLES 05

 

Como você pode observar a imagem acima essa existi inúmeros pontos onde os maires são com o aerógrafo mais distante e os menores com o aerógrafo mais perto da superfície para podermos ter uma precisão ainda maior.

Pra você por em pratica é super simples crie uma linha com pontos grandes na Horizontal e Vertical como os pontos pretos na imagem, após isso você vem preenchendo na Horizontal e Vertical com pontos um pouco menores, após realizado o processo continua até não sobrar muito espaço e você ter que criar um ponto minusculo de até 2 mm.

Essas são as duas principais técnica para se obter uma precisão ao utilizar o aerógrafo e dominar sem nenhuma dificuldade.

O que mais você gostaria de APRENDER ? deixe seu comentário abaixo para que em breve consiga compartilhar esse assunto com você.